Como fotografar no escuro

Nem sempre as configurações do modo automático da câmera digital proporcionarão uma boa fotografia. Se o ambiente tiver pouca luz, por exemplo, é preciso encarar o modo manual e experimentar opções mais avançadas. Mostramos, a seguir, como fazer esse trabalho sem traumas.

Dispense o flash

Câmeras compactas têm flash como alcance de poucos metros, por isso, não adianta usá-lo para iluminar objetos distantes ou paisagens. Nesses casos, vale a pena desligá-lo e aumentar a sensibilidade de captação de imagens (ISO).

Abertura maior

Para fotos noturnas, o ideal é prolongar o tempo de abertura do diafragma da câmera, que é mostrado no menu por combinações como f5.6 e f16, por exemplo. Nesse caso, o menor número é a melhor opção.

Firmeza é fundamental

Com maior sensibilidade e maior abertura, a câmera demora mais tempo para fotografar e, por isso, é essencial que permaneça estática. Na falta de um tripé, improvise um apoio para as mãos ou apoie o cotovelo numa mesa ou no parapeito de uma janela.

Anúncios